top of page
Buscar

A Redinha do Davi

Atualizado: 17 de abr. de 2023

Centro de Equoterapia Dr. Adler




Em visita ao Centro de Equoterapia Dr. Adler, em dezembro de

2021, fui surpreendido por uma daquelas histórias que fez a Akio

2051 ganhar ainda mais sentido pra mim. Convidado a acompanhar

uma sessão de equoterapia por André, ortopedista e diretor da instituição,

conheci a história de Davi. Vítima de paralisia cerebral, o menino de oito

anos fazia mais uma sessão do tratamento que havia mudado sua vida

nos últimos seis meses. Ele havia chegado ali pelas mãos do pai,

também chamado Davi, à época desesperançoso com a evolução

do tratamento que o filho vinha recebendo de uma instituição

especializada em cuidar de crianças com o mesmo problema.


“O menino, não andava, ficava o tempo todo na cama e dependia

de cadeira de rodas para se movimentar”, contou André.

Davi, o pai, soube do método terapêutico com cavalos por meio de

um amigo. Chegou ao Centro de Equoterapia Dr. Adler desiludido,

cabisbaixo, pois já havia tentado de tudo sem êxito. Percebendo

o ceticismo nos olhos do homem, André foi direto:

“Você vai deixar eu cuidar do seu filho? Vai confiar em mim?

Eu vou pegar pesado na fisioterapia com o Davi”.


Seis meses se passaram desde que aquele pai havia resolvido

apostar suas fichas na equoterapia. Foram muitas sessões, todas

as semanas, e muitas transformações. Tanto que, recentemente, o

garoto ganhou uma redinha. Não dessas de repousar e dormir, mas

de proteção, que se instalam nos apartamentos para a segurança

das crianças.


Davi hoje não precisa mais da cadeira de rodas, não quer saber

mais de ficar na cama, não para quieto. “O pai está colocando a

redinha na maior felicidade do mundo!”, revelou André.




50 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page